Cuidar ou Educar? Um novo olhar para uma Educação Infantil de qualidade

agosto 07, 2014

Como a creche constitui a primeira etapa no convívio escolar de uma criança, é fundamental que sua proposta pedagógica seja adequada às necessidades da criança para que essa primeira experiência influencie e estimule de forma positiva seu desenvolvimento pessoal e sua progressão escolar.

Em educação infantil são consideradas basicamente duas propostas, envolvendo o binômio cuidar/educar. Uma enfatiza mais os cuidados básicos com a criança, como o bem-estar físico e as necessidades biológicas, com maior foco na alimentação,  higiene, saúde e segurança da criança. A outra valoriza mais os conteúdos curriculares, dando maior destaque aos aspectos pedagógicos, ou seja, à escolarização da criança.

Então, qual o melhor modelo? Certamente, ambos têm pontos positivos e negativos, e apresentam benefícios e dificuldades, em função da ênfase mais ou menos exagerada que se dê a qualquer dos enfoques. O ideal é buscar o meio-termo, o ponto de equilíbrio entre cuidar e educar.

Cuidar do bem-estar da criança, temperando os cuidados básicos com os ingredientes do carinho e do afeto, é essencial para que ela cresça com segurança e saudável, física e emocionalmente. E estimulá-la a aprender utilizando recursos pedagógicos adequados e compatíveis com suas faixas etárias e necessidades, de forma interativa e participativa, é fundamental para o seu desenvolvimento cognitivo e intelectual e para estimular sua autonomia.

É importante não subestimar as crianças, compreendendo que são criaturas competentes e criativas, que sabem fazer escolhas e tomar decisões. É essencial que sejam tratadas como sujeitos ativos no processo de ensino-aprendizagem das diferentes linguagens, utilizando e estimulando a exploração de recursos pedagógicos, objetos e brinquedos,  valorizando as relações sociais, a criação de vínculos, estabelecendo limites e ensinando a respeitar regras e a compartilhar.

Partindo de uma perspectiva não assistencialista, a Creche Tiãozinho criou ambientes e espaços adequados e acolhedores e dispõe de recursos humanos, materiais e pedagógicos suficientes e adequados para proporcionar à criança tanto os cuidados básicos, como para atender suas necessidades educacionais.

Nós da Creche Tiãozinho entendemos que, para uma educação infantil de qualidade, não é possível cuidar de uma criança sem estar educando-a; assim como não é possível educar uma criança sem estar, simultaneamente, cuidando dela.

Na Tiãozinho o cuidar e o educar estão interligados. Suas educadoras estão qualificadas para atender simultaneamente a essa dupla função, enriquecendo-as com os ingredientes do carinho, do afeto e do respeito, cuidando e educando de modo a proporcionar à criança experiências e vivências motivadoras e prazerosas para que cresçam e se desenvolvam com segurança, autonomia e equilíbrio emocional.

A seguir, fotos de alguns dos ambientes, atividades e festividades na Creche Tiãozinho.

 

Deixe uma resposta
SAFRATER seleciona voluntários para atividades educacionais com adolescentes e jovens no CETECCJULHO / AGOSTO 2014

Deixe sua resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *